Seguro de carro cobre alagamento? Entenda como funciona!

Seu seguro de forma simples e rápida

Encontre os melhores artigos

Seguro de carro cobre alagamento? Entenda como funciona!

Há certos danos materiais que simplesmente estão fora do seu controle – por desastres naturais, por exemplo. Um dos exemplos mais comuns no Brasil é o desastre natural de alagamento e o seguro de carro cobre alagamento?

No Brasil, é comum a presença de fortes pancadas de chuva durante o ano. Isso leva às enchentes e alagamentos em diversas cidades do país e gera danos às ruas, residências, comércios e até mesmo ao seu carro.

Por isso que é tão importante saber se o seguro cobre desastres naturais. Como saber se meu seguro cobre enchente? Descubra agora!

Foto Carro Alagamento ( Todos os direitos reservados)

O que é desastre natural para o seguro contra desastres naturais?

“No mundo dos seguros, as ações da natureza contra o seu carro são consideradas parte da cobertura, mas nem sempre da cobertura básica.”

O seguro contra desastres naturais cobre qualquer dano que tenha sido causado por ações da natureza. Dessa forma, toda ação desse tipo acaba sendo considerada na cobertura, o que inclui enchentes.

Então, o seguro cobre desastres naturais como alagamentos, fortes chuvas, vendaval, chuva de granizo, terremoto, queda de árvores, etc. Se essas ações da natureza ocorrerem – e você não se pôr em risco – você provavelmente estará dentro da cobertura.

O seguro de carro básico cobre desastre natural?

Essa cobertura raramente é contemplada no plano mais básico. O único desastre natural englobado pelo seguro auto básico é a ação de raios que eventualmente levem a um incêndio que danifique o veículo.

De qualquer forma, é importante que confira as coberturas oferecidas na apólice. Veja no contrato e com sua seguradora se o seguro cobre desastres naturais.

Seguro para fenômenos da natureza: quais ocorrências são consideradas?

Como dito anteriormente, o seguro de carro básico cobre a ação de raios que provoquem danos ao carro. Outras situações envolvendo a natureza costumam ser vendidas como parte de uma cobertura adicional.

E quais são essas outras situações envolvendo a natureza?

Granizo

Chuvas de granizo costumam afetar a lataria do seu veículo, por isso é oferecido um seguro compreensivo ou com proteção adicional. Dessa forma, o seguro cobre o reparo da lataria.

Quanto aos vidros, o reparo é feito apenas se houver a cobertura para vidros.

Vendaval

Vendavais são capazes de danificar a lataria do carro, seus vidros e até mesmo provocar um acidente. Por isso, o seguro contra desastres naturais oferece uma cobertura contra esses danos, exceto vidros (mesma situação acima).

Queda de árvores

O seguro contra fenômenos da natureza também cobre a queda de árvores, caso estas sejam capazes de causar danos ao veículo. Em alguns casos, você também pode solicitar ressarcimento à Prefeitura ou ao dono do terreno de onde caiu a árvore.

Contudo, esse processo costuma ser mais trabalhoso do que apenas solicitar o seguro auto.

Terremoto

Terremotos raramente ocorrem no Brasil – e quando ocorrem, são fracos e pouco ou nenhum dano causam. Contudo, se ocorrerem e causarem dano ao seu veículo, o seguro contra fenômenos da natureza é capaz de lhe dar cobertura.

Alagamentos, enchentes e inundações

Por fim, há o seguro contra enchente, que costuma cobrir todos os danos causados por alagamentos, enchentes e inundações. Contudo, assim como nos outros casos, nem sempre é contemplada no contrato de seguro.

Seguro de carro cobre alagamento: como funciona?

Para ter proteção contra enchentes (e contra qualquer outra ação da natureza), é necessário solicitar ao seu corretor pela cobertura contra danos da natureza. Essa cobertura no contrato de seguro fornece proteção contra todos os danos citados acima.

E como ela funciona? Basicamente, se seu carro sofrer dano decorrente de ações da natureza, você pode entrar em contato com a seguradora para solicitar o reparo. Contudo, nem tudo é segurado pelo contrato.

Quais situações são cobertas pelo contrato de seguro?

Basicamente, toda situação onde seu carro sofre danos decorrentes de ações da natureza, sendo essa situação inevitável. Por exemplo:

  • Caso você esteja a caminho do trabalho e tem de enfrentar uma via toda alagada, que danifica seus pneus e o motor;
  • Em uma forte ventania uma árvore cair sobre seu carro;
  • Se chover granizo, ocorrer um terremoto ou um vendaval;
  • Etc.

Em geral, toda situação onde há perda total ou parcial do veículo permite a solicitação da seguradora. E quando não há a cobertura?

Quais situações não são cobertas pelo contrato de seguro?

Desastres naturais não são cobertos quando ocorre uma situação chamada agravamento de risco. Basicamente, é quando o segurado em situação tranquila contribui para que o carro seja danificado por ação da natureza.

Por exemplo, quando você decide enfrentar um caminho alagado ou com enchente, mesmo tendo outra opção de via. Se você apenas deixou o carro estacionado ou dentro da garagem e ocorreu a enchente, você está coberto pela seguradora.

Então, se você enfrentou uma situação de risco (podendo não enfrentar), a seguradora pode recusar o pedido por quebra dos termos do contrato.

Obs: outra situação onde não há cobertura é a inundação por água salgada ao transitar na beira-mar. Trechos de praia na beira-mar são consideradas vias não trafegáveis e não entram na cobertura.

O risco maior de ações da natureza encarece o seguro contra enchente?

Sim, pois quanto maior o risco de sinistro, mais caro é o seguro do carro contra ações da natureza. Por exemplo, se você vive numa cidade com inundações constantes, é comum que as seguradoras cobrem mais para fenômenos da natureza.

A melhor opção é se proteger contra as ações da natureza

A melhor opção é evitar situações de risco para seu carro, pois assim não corre o perigo de não ter a cobertura. Além disso, ainda garante a classe de bônus do seguro[1] , que é obtida quando passa o ano sem sinistros registrados.

E como se proteger?

  • Ao ver uma via cujo nível da água passa da metade da roda, evite transitar por ela. Nesses casos, o carro não costuma ter força suficiente para enfrentar a enchente;
  • Desligue o ar-condicionado, pois isso diminui a força do carro e aumenta o risco de calço hidráulico;
  • Evite calçadas muito baixas em casa, pois é maior o risco de inundação da garagem.

Como saber se meu seguro cobre enchente?

“E como saber se meu seguro cobre enchente?”, essa deve ser sua pergunta. Como dito anteriormente, você deve observar se consta o seguro contra danos da natureza na apólice ou perguntar ao seu corretor. Se não tiver, é melhor garanti-lo.

No Brasil, é muito comum a ocorrência de enchentes, alagamentos e inundações. A contratação de seguro de carro para alagamento lhe dá uma segurança a mais nessas situações – e é possível tê-lo pelo melhor preço do mercado!

LSI: seguro cobre desastres naturais, seguro contra desastres naturais, como saber se meu seguro cobre enchente.

Palavras-chave secundárias: seguro de carro, seguro auto, seguradora, seguro fenômenos da natureza, seguro contra enchente, contrato de seguro.


Tenha um seguro que é como você, digital!

Artigos Relacionados

mulher-fazendo-sinal
Dicas
A ideia do seguro de carro é que o cliente se sinta mais confortável, mesmo...
homem fazendo cálculo do seguro
Seu Carro
Calcular Seguro Auto: como é calculado o preço?
Nice looking woman, beautiful girl with curly ginger hair. Wearing white off-shoulder blouse. Touching her lip and thinking. Watching to the right at copy space, isolated over orange background
Dicas - Seguros
Contratar a melhor seguradora é o objetivo de qualquer cliente que possua um automóvel. Afinal,...
homem-apontando-para-dica
Dicas
Se você deseja obter a CNH e no momento não tem condições financeiras para arcar...